Filme Si Puo Fare (Dá para Fazer) na Semana do Trabalho de Campinas

23/04/2012
O debate sobre o Cooperativismo Social tem se ampliado e a necessidade da Regulamentação da Lei de Cooperativismo Social se faz Urgente. Visando garantir o Direito ao Trabalho Associado e Autogerido para todos os segmentos envolvidos.
Como parte desse processo de mobilização a Semana do Trabalho de Campinas (Comemoração do 1. de Maio – Dia do Trabalhador) irá fazer uma Mostra de Filmes sobre o Mundo do Trabalho e a Luta de Classes, um dos vídeos escolhidos foi o Si Puo Fare (Dá para Fazer).
Veja a Programação Completa.
Sinopse do Filme:
Nello, um sindicalista afastado do sindicato por suas ideias avançadas, se vê dirigindo uma cooperativa de doentes mentais, ex-pacientes dos manicômios fechados pela Lei Basaglia. Acreditando firmemente na dignidade do trabalho, ele convence os sócios a substituir as esmolas assistencialistas por um trabalho de verdade, inventando para cada um, uma atividade incrivelmente adaptada às respectivas capacidades, mas indo também de encontro às inevitáveis e humanas contradições.Um tema importante, tratado com humor e delicadeza, divertido e comovente, que pode parecer uma bonita fábula, mas que na verdade retrata uma realidade atual. Mais uma pérola do cinema italiano!
 
Ficha Técnica:

Título Original: Si può fare

País de Origem: Itália

Gênero: Drama/ Comédia

Tempo de Duração: 110 minutos

Ano de Lançamento: 2008

Direção: Giulio Manfredonia

Elenco:

Claudio Bisio…Nello; Anita Caprioli…Sara; Giuseppe Battiston…Dottor Federico Furlan; Giorgio Colangeli…Dottor Del Vecchio; Andrea Bosca…Gigio; Giovanni Calcagno…Luca; Michele De Virgilio…Niki; Carlo Giuseppe Gabardini…Goffredo; Andrea Gattinoni…Roby; Natascia Macchniz…Luisa; Rosa Pianeta…Enrica; Daniela Piperno…Miriam; Franco Pistoni…Ossi

Anúncios

Debate Reforma Psiquiátrica, Saúde Mental e ECOSOL, com o Filme Dá Para Fazer (Si Puo Fare)

12/10/2011

 

Nesta quinta-feira, 13.10.2011, vai haver uma exibição do filme “Dá para fazer (Si può fare)” seguido de debate sobre Reforma Psiquiátrica, Saúde Mental e Economia Solidária.

O evento faz parte das atividades da Semana da Saúde Mental, organizado pelo Fórum de Saúde Mental de Guarulhos e Rede de Saúde Mental de Guarulhos/SMS.

Local: Faculdades Integradas de Guarulhos (FIG)
Rua Barão de Mauá, 95 – Centro – Guarulhos (próximo à Praça IV Centenário)
Anfiteatro – segundo andar

Horário: 14hs

Debatedores:
Risonete Costa (Bar Saci)
Samuel Casimiro (Projeto Tear)
Angela Jorge (Secretaria Municipal de Saúde – Guarulhos)

Programação Completa:


Filme: Si Puo Fare (Dá para Fazer) e Roda de Conversa em Taboão da Serra

16/03/2011

O GT de Saúde Mental de Taboão da Serra, através de sua Coordenadora Fernanda Zanetti Cinalli organizou a exposição do Filme Si Puo Fare e uma Roda de Conversa visando discutir o filme e os desafios para a inserção social pelo trabalho de usuários de saúde mental.

Em uma sessão perto de você!!!

 Dia 29/03/2011

No GT de Saúde Mental – Taboão da Serra

Venha rir e se emocionar conosco!!

Nello, um sindicalista afastado do sindicato por suas ideias avançadas, se vê dirigindo uma cooperativa de doentes mentais, ex-pacientes dos manicômios fechados pela Lei Basaglia. Acreditando firmemente na dignidade do trabalho, ele convence os sócios a substituir as esmolas assistencialistas por um trabalho de verdade, inventando para cada um, uma atividade incrivelmente adaptada às respectivas capacidades, mas indo também ao encontro às inevitáveis e humanas contradições. Um tema importante, tratado com humor e delicadeza, divertido e comovente, que pode parecer uma bonita fábula, mas que na verdade retrata uma realidade atual. Mais uma pérola do cinema italiano! Direção: Giulio Manfredonia / Roteiro: Fabio Bonifacci, Giulio Manfredonia / Estrelando: Claudio Bisio, Anita Caprioli e Giuseppe Battiston / 111 min / 31 October 2008 (Italy)

Após o filme: Roda de Conversa e discussão com Leonardo Pinho. Educador popular, do Fórum Paulista de Economia Solidária, assessor em economia solidária da Rede de Saúde Mental e Economia Solidária do Estado de São Paulo, membro da Associação Vida em Ação.

 


Filme Dá Para Fazer (Si puo Fare) no CECCO Bacuri

15/05/2010

A Rede de Saúde Mental e ECOSOL, em parceria com diversos serviços da Supervisão Lapa – Pinheiros e os projetos/ empreendimentos de trabalho da região, vai promover a exibição do Filme Dá para Fazer (Si puo Fare) e depois fazer uma roda de conversa sobre o cooperativismo social italiano e as perspectivas dos projetos de trabalho da saúde mental. Essa atividade é parte do Ciclo de Formação e Debate que a Rede de Saúde Mental e ECOSOL irá fazer durante todo o ano de 2010 visando conquistar efetivamente o DIREITO AO TRABALHO por parte dos usuários de saúde mental, através da regulamentação da Lei de Cooperativismo Social e do reconhecimento e apoio aos projetos/ empreendimentos de trabalho da saúde mental. 

Quando? 17 de Maio (segunda-feira)

Horário? 13h

Onde? 

CECCO BACURI

Av. Sumaré 67, Perdizes

http://ececcobacuri.blogspot.com/

Sinopse do Filme:
Nello, um sindicalista afastado do sindicato por suas ideias avançadas, se vê dirigindo uma cooperativa de doentes mentais, ex-pacientes dos manicômios fechados pela Lei Basaglia. Acreditando firmemente na dignidade do trabalho, ele convence os sócios a substituir as esmolas assistencialistas por um trabalho de verdade, inventando para cada um, uma atividade incrivelmente adaptada às respectivas capacidades, mas indo também de encontro às inevitáveis e humanas contradições.Um tema importante, tratado com humor e delicadeza, divertido e comovente, que pode parecer uma bonita fábula, mas que na verdade retrata uma realidade atual. Mais uma pérola do cinema italiano!
 
Ficha Técnica:

Título Original: Si può fare

País de Origem: Itália

Gênero: Drama/ Comédia

Tempo de Duração: 110 minutos

Ano de Lançamento: 2008

Direção: Giulio Manfredonia

 Elenco:

Claudio Bisio…Nello; Anita Caprioli…Sara; Giuseppe Battiston…Dottor Federico Furlan; Giorgio Colangeli…Dottor Del Vecchio; Andrea Bosca…Gigio; Giovanni Calcagno…Luca; Michele De Virgilio…Niki; Carlo Giuseppe Gabardini…Goffredo; Andrea Gattinoni…Roby; Natascia Macchniz…Luisa; Rosa Pianeta…Enrica; Daniela Piperno…Miriam; Franco Pistoni…Ossi


VideoClube do CRP-SP promove ciclo de debates sobre os sentidos e significados do trabalho

27/02/2010
clique e veja a programação completa do Videoclube
 
A Rede de Saúde Mental e Economia Solidária vem desenvolvendo diversas atividades voltados a geração de trabalho e renda para os usuários de saúde mental. Bem como, vem apostando em processos de formação e informação, que busquem trazer elementos para a reflexão do trabalho no mundo contemporâneo e sobre as novas formas de organização econômica, os empreendimento que se organizam de forma associativa e autogestionária.
No ano de 2010 o CRP-SP (Conselho Regional de Psicologia) realizará 07 exposições de vídeos em seu Videoclube, de março a setembro, debatendo os sentidos e o significado do trabalho na sociedade, mais um importante momento de reflexão e formação para todos os projetos/ empreendimentos.
A primeira programação do dia 12 de março – 19hs será do filme premiado Dá para Fazer (Si Puo Fare), legendado em português, que trata sobre as cooperativas sociais na Itália. Um importante instrumento para debater a necessidade de se alterar as Leis das Cooperativas Sociais no Brasil, para realmente servir para a organização econômica de amplos setores em situação de vulnerabilidade. Como afirma o filme se tivermos uma Lei eficiente de Cooperativas Sociais – Dá para Fazer.
Os filmes escolhidos para o ciclo de debates promovidos pelo CRP-SP para o primeiro semestre de 2010 elegem a condição de trabalho como paradigma para o diálogo com diversas questões sociais.

O papel central que o trabalho adquire em nossas vidas será o fio condutor dos filmes exibidos e suscitará debates em torno das questões de gênero, inclusão, saúde e educação, além de denunciar as situações de precarização, competitividade e padronização da subjetividade que caracterizam os modelos produtivos na sociedade capitalista.

Entrada gratuita
Local: Auditório do CRP SP
Horário: 19h
Lotação: 110 lugares
Importante: sua reserva será garantida até
às 18h30 nos dias de exibição.

Inscrições antecipadas
http://www.crpsp.org.br/videoclube
Informações
Departamento de Eventos do CRP SP
Tel.: , ramais 111, 137, 151 e 317
E-mail: eventos03@crpsp.org.br

Página do CRP-SP: http://www.crpsp.org.br/crp/