Amanhã é Dia: Começa as Transmissões da Rádio Maluco Beleza online

31/08/2010

Usuários da Saúde Mental de Campinas inauguram a Rádio web Maluco Beleza

Conquista histórica: uma rádio protagonizada por pessoas que fazem tratamento mental era um antigo sonho, que a partir de 1o de setembro se torna realidade.

O Ponto de Cultura Maluco Beleza inaugura dia 1º de setembro, a partir das 8h, a rádio Maluco Beleza online. O projeto, inédito no Brasil, trará 23 programas semanais de meia hora cada, protagonizados por usuários de serviços de saúde mental de Campinas, além de algumas iniciativas de outras pessoas da comunidade e grupos sociais da cidade. São quinze horas de programação diária. A emissora vai ao ar diariamente das 8h às 23h. Para acessá-la, basta entrar no site www.candido.org.br e clicar no link: “Rádio Maluco Beleza online”, no canto superior esquerdo da tela.
Para comemorar esta conquista, no dia 31 de agosto, das 13 às 17h, acontece uma festa no Cândido Ferreira, com a presença dos participantes da rádio, que na ocasião devem falar sobre seus respectivos programas. Além disso, uma programação cultural promete animar a tarde. O evento conta com apresentações do grupo Coletivo da Música, formado por usuários da Saúde Mental; da Roda de Ciranda, com o cirandeiro Roberto Harari, e a Folia de Reis, com o grupo Reis de Ases.
A grade de programação inicial da Rádio Maluco Beleza vai ao ar até janeiro do próximo ano (ver grade completa no final do texto). A intenção é alterar a programação a cada quatro meses. Novos projetos podem ser encaminhados para o Conselho da Rádio, que analisará a viabilidade de inclusão na próxima grade. Os programas que pretendem participar não precisam estar diretamente ligados à saúde mental, mas devem impreterivelmente estar relacionados à promoção dos direitos humanos e da cidadania.
A Maluco Beleza online aposta na diversidade cultural e na pluralidade de ideias, contemplando programas feitos por idosos, crianças, menores em situação de rua e artistas populares, além de profissionais e usuários da saúde mental. Os programas abordam os mais variados temas e são voltados a diferentes públicos. O Programa Maluco Beleza, que deu origem a toda esta história, será reapresentado em diversos horários ao longo da programação.
O sonho de se ter uma rádio própria para a Saúde Mental surgiu em meados de 2002, no início de um projeto de comunicação para os usuários. A ideia era inaugurar uma rádio comunitária, mas o distrito de Sousas, onde a rádio teria sua sede, já contava com uma outra rádio comunitária em funcionamento, o que inviabilizou o projeto. Pouco depois, o Cândido firmou uma parceria com a Rádio Educativa de Campinas, que passou a veicular um programa mensal protagonizado por pessoas que fazem tratamento mental: o programa Maluco Beleza.
Baseado na técnica da comunicação comunitária, os participantes do programa Maluco Beleza têm a oportunidade de revelar seus pontos de vista para toda a sociedade, mostrando o quanto são possuidores de uma cultura e o quanto não são alienados. O objetivo é diminuir o preconceito que ainda existe em parte da população com relação aos portadores de sofrimento mental e à loucura.
Em 2008, o Maluco Beleza foi reconhecido como Ponto de Cultura e passou a ter uma sede, com um estúdio próprio, no Cândido Ferreira, em Sousas. A ideia de inaugurar uma emissora de rádio voltou a ganhar força, agora como uma rádio web. Hoje o Maluco Beleza é um Ponto de Cultura, vinculado ao Governo do Estado de São Paulo, e conta com a parceria da Associação Cornélia Vlieg e do Serviço de Saúde Dr. Cândido Ferreira.
Apesar da inauguração de uma rádio web, a parceira com a Rádio Educativa e o Programa Maluco Beleza continuam. Os participantes do programa querem que todos da sua comunidade ouçam suas mensagens pela Rádio Educativa, que é mais acessível, uma vez que a acessibilidade a computadores ainda é pequena e restrita a poucos.
Se por um lado a acessibilidade a Internet ainda é restrita no país, por outro a criação de uma rádio on line possibilita que extrapolemos as barreiras da cidade de Campinas, que até hoje ouviam as mensagens produzidas pelos loucu-tores do programa. Com a rádio web, objetiva-se falar pelo mundo e inaugurar uma nova fase de comunicação mais globalizada com outros lugares distantes e inesperados por meio de infinitas trocas, que ainda não podemos imaginar o poder de alcance.
A inauguração da rádio online é um momento histórico para a Saúde Mental na cidade e marca uma importante conquista no cenário nacional. Quem poderia imaginar a algum tempo atrás que uma instituição psiquiátrica pudesse se transformar de tal forma, que as pessoas em tratamento no serviço conseguissem protagonizar a inauguração de uma emissora de rádio? A Maluco Beleza online promete anunciar boas notícias e ser um canal de comunicação dos direitos do homem e das possibilidades de transformações, criando novos modelos de comunicação em rádio para toda a sociedade.
Em 1991, a partir da parceria com a prefeitura de Campinas, inúmeras transformações começam a ocorrer no Cândido Ferreira, como a constituição de alas mistas e a realização de assembleias de usuários. Ao longo dos anos 90, várias iniciativas começaram a apontar rupturas com o modelo tradicional, entre elas as moradias extra-hospitalares, o Hospital-dia  e o Núcleo de Oficinas de Trabalho (NOT). A desospitalização se tornou um processo irreversível, que avançava a cada ano.
A partir de 2000, a criação dos Caps e Centros de Convivência marcam uma nova forma de tratamento em Saúde Mental, com base no convívio social e familiar, tendo como eixos fundamentais a promoção dos direitos humanos e a valorização da cidadania. Atualmente o Cândido gerencia quatro Caps, três Centros de Convivência, 12 Oficinas de Trabalho e um Núcleo de Retaguarda em Campinas.
Logo abaixo, estão as sinopses dos programas da rádio. Para mais informações, entre em contato com a assessoria de comunicação: José Siqueira (19) 7815-2906, Régis Moreira (19) 7813-3276 e Carla Barreira (19) 7802-3487.

Sinopses dos programas:

Mentaleiros – seu informativo da Saúde Mental (apresentadora: Carla Barreira)
Esse programa será um jornal informativo sobre a saúde mental. O conteúdo irá abrager notícias, agenda de eventos, breves entrevistas; todos relacionados à saúde mental.
Perfil (apresentadora Layla Ventura)
O programa Perfil escolherá a cada programa um perfil específico, com profissões e histórias diferentes. Muitas dicas e curiosidades serão reveladas.
Saúde Beleza (apresentador Anatóle Carvalho Inhota)
O programa apresentará temas diversificados a cada semana, e também será dado dicas de prevenção contra doenças e como se cuidar em determinados casos.
Programa de Peso – um programa que te deixa leve (apresentadora: Silvana Borges)
Esse programa será direcionado a um público específico, “os gordinhos(as)”. Contará com uma Nutricionista e um profissional de moda que serão colunistas desse programa, dando dicas de alimentação e de vestimentas adequadas. Além disso, serão dadas dicas de alto estima.
Para rechear mais esse programa, contará também com músicas de cantores de peso.
Em Pauta Saúde Mental (apresentadores: Emerson Merhy, Heloísa Amaral , Cássia Ramos e Telma Palmieri)
Esse programa terá como pauta a saúde mental, contando com debates, entrevistas e músicas, entre outros quadros.
Programa Guadalupana (apresentadores: Crianças e Jovens em situação de rua)
O projeto será em torno de temas escolhido por crianças e Jovens, com entrevistas, enquetes e muitas outras novidades.
Vinícius @ Caxambu (apresentador: Vinícius Caxambu)
O programa será um Especial sobre o grupo Rappa, com música e curiosidades sobre o grupo.
Maluco Beleza (apresentadores: Usuários da saúde mental)
O programa Maluco Beleza é temático, com entrevistas exclusivas, com quadros interessantíssimos, debates e muito mais.
Cuca Legal um programa para toda família (apresentadora: Cintia Lisenberg)
O programa será sobre famílias que possuem algum portador de transtorno mental. Com dicas e entrevistas de como se comportar em certas situações.
De bem com o Sertão, sua vida no campo nunca mais será a mesma (apresentadores: Marcos Pio , Paulo Cesar Lima e Diogo Régis)
O programa De bem com o Sertão, apresentará os artistas sertanejos; serão contados “Causos”, terá receitas do campo, contará com a participação de entrevistas e muita música sertaneja.
Tudo para ser Feliz (apresentador: João Poeta)
Esse programa será sobre pessoas que têm tudo na vida e não é feliz, e pessoas que têm poucas coisas e são feliz como obtém. Além de abranger certos assuntos, o programa também terá entrevista, poesias, rimas e muita música da autoria do apresentador.
Vivendo e Apreendendo (apresentadoras: Izolina , Mary, Augusta, Lourdes, Lile, Benedita e pessoas da maior idade)
Farão o programa voltado para 3ª idade, ou seja a melhor idade. O programa terá entrevistas, enquetes, dicas e muito mais, revelando o ponto de vista de pessoas maduras.
Delira – Homenagem aos artistas (apresentador: Luciano Lira)
O programa homenageará artistas antigos, com curiosidades sobre esses artistas e muita música de cantores consagrados.
Florações (apresentador: Ricardo Nunes)
Florações é um programa romântico, que trará aos ouvintes muitas mensagens de amor, muita música romântica, entrevistas e muito mais.
Palavras e Cores (apresentadora: Maria Eugênia Carnevalli)
Esse programa apresentará poesias variadas, de muitas autorias; também terá biografias sobre alguns autores, dicas de poesias, quadro de música que trás recordações, mensagens para refletir. Quadro novos talentos apresentará entrevitas com novos poetas e muito mais.
Jovens Internautas (apresentadores: Crianças, Jovens e Adolescentes)
O programa será temático, e essa temática girará em torno do universo jovem; os temas serão bem livres com a cara dos adolescentes.
Coletivo da Música (apresentadores: usuários da saúde mental, participantes dos grupos de música)
Esse programa, tem o objetivo de abrir espaço para grupos de música da rede de saúde mental. Os programas serão apresentados, cada semana, por um grupo específico escolhido.
Kizomba – a sua revista de cultura (apresentador: Régis Moreira)
O Programa apresentará projetos culturais, entrevistas, música, dicas de cultura; e também terá o ponto de vista do apresentador apontando os pontos fortes e fracos da cultura a cada semana.
Festa Black (apresentador: Ulisses dos Santos)
Festa Black é um programa musical, contendo músicas dos anos 70 até os dias atuais 2010, a cada bloco de música terá comentários sobre o ano correspondente as músicas tocadas , comentando os estilos da época e até mesmo o comportamento das pessoas.
Programa da Lilia (apresentadora: Lilia Moraes)
O programa abrangera cultura, variedades diversas, com poesias e biografias dos autores; muitas dicas culturais e músicas.



Anúncios

Bazar da IX Copa da Inclusão

28/08/2010

A integração entre o esporte, a cultura, lazer e a economia solidária esta sendo vivido durante todos os dias da IX Copa da Inclusão, no SESC Itaquera, Parque do Carmo.

O Bazar da Copa é uma  das atividades que acontecem  nos fins de semana até 02 de outubro, no SESC Itaquera – Parque do Carmo. A participação da Rede de Saúde Mental e ECOSOL  tem sido bem interessante; em especial pela troca de saberes e experiências entre os diversos equipamentos/ serviços, seus times e os projetos de cultura e trabalho.

Fotos do segundo fim de semana da IX Copa da Inclusão, fotos da Rede (clique aqui)


TEAR – Trabalho, Terapia e Arte com Novo Site

26/08/2010

O Projeto Tear tem participação ativa na Rede de Saúde Mental e Economia Solidária e também nas Feiras de Economia Solidária em Guarulhos. Conheça o Projeto Tear e suas diversas oficinas de trabalho, terapia e arte que é composta por 120 usuários.

Conheça sua nova página eletrônica: http://www.projetotear.org.br

A Loja..

Rua Silvestre Vasconcelos Calmon, 92
Vila Moreira – Guarulhos /SP
CEP.: 07020-001

O Projeto..

O Projeto Tear é um serviço público de Saúde Mental constituído por oficinas de trabalho artesanal para pessoas em situação de sofrimento psíquico. Localizado no município de Guarulhos/SP, o Projeto Tear iniciou sua trajetória em 2003 por meio de uma parceria entre a Prefeitura de Guarulhos, Associação Cornélia Vlieg e Laboratórios Pfizer.

Atualmente, 120 usuários participam das oficinas de Encadernação & Papelaria Artesanal, Marcenaria & Marchetaria, Serigrafia & Personalização, Tear & Costura, Velas & Sabonetes, Mosaico, Papel Reciclado Artesanal e Vitral que se constituem em espaços de produção, geração de renda e convivência.

No Tear compreende-se o trabalho como um importante instrumento de desenvolvimento humano, em que o resgate da capacidade produtiva a partir do olhar para as potencialidades desses sujeitos contribui para a transformação do lugar de assistidos a participantes, realizadores e produtores de novos lugares sociais, remetendo-os para o exercício da cidadania e fortalecendo laços sociais e familiares.

O Projeto Tear conta ainda com expressiva participação em feiras, exposições e projetos de Economia Solidária e Geração de Renda, proporcionando assim a participação dos usuários na comercialização dos produtos e na administração dos recursos obtidos, que são revertidos à própria oficina para sua sustentabilidade e aos participantes em forma de “bolsa-oficina”.


Rede de Saúde Mental e ECOSOL na IX Copa da Inclusão

23/08/2010

A Rede de Saúde Mental e ECOSOL participou no primeiro dia de programação, 21 de agosto, da IX Copa da Inclusão, com mais uma ação de Comercialização em Rede, no Bazar.

A Copa como sempre foi marcada pela alegria e diversidade e o SESC Itaquera mais uma vez viu a força da DIVERSIDADE.

* Fotos tiradas por Marcio – do empreendimento A Ponte (Associação Franco Basaglia)


IX COPA DA INCLUSÃO 2010

20/08/2010

A Rede de Saúde Mental e Economia Solidária vai participar desse ano da IX Copa da Inclusão, através da organização de diversos projetos/ empreendimentos para a comercialização em REDE no Bazar da Copa, que funcionara todos os dias. A Ong Sã Consciência, organizadora da Copa tem participado de nossas reuniões, como também participou, da III Feira de Saúde Mental e Economia Solidária.

Participe, torça e conheça o BAZAR…

No SESC Itaquera (veja como chegar)

Dias 21 e 28 de Agosto, 11, 18 e 25 de setembro e 02 de outubro

IV Copa da Inclusão 2010*

A Copa é um espaço de integração, ressocialização e inclusão de usuários dos serviços de saúde mental, profissionais e familiares.
Pelo sexto ano consecutivo foi reafirmada a parceria com o SESC Itaquera, local de realização. Neste ano, o evento acontecerá nos dias 21 e 28 de Agosto, 11, 18 e 25 de setembro e 02 de outubro. Nos dias 21/08 e 02/10 o horário de início é às 10:30, porém no restante das datas o começo é às 12:00hrs. O Término será sempre às 17hrs. Foram inscritas, para a edição de 2010, 60 instituições de 14 municípios do Estado.       

Serão realizados torneios de futsal, masculino e feminino, com equipes formadas pelos usuários dos serviços de Saúde Mental. Além disso, as instituições apresentam oficinas terapêuticas (Tai-Chi-Chuan, Mosaico, Capoeira, Bijouteria, Reciclagem, Psicodrama, Dança Circular, Dança, Salsa & Country), filmes e também participam do bazar, onde são expostos e vendidos produtos confeccionados pelos usuários nas oficinas de trabalho (o movimento da ECOSOL em Saúde Mental estará presente!!).
           
 O evento conta também com a participação da Rádio “Sã Consciência”, considerada mais um espaço de integração e livre expressão. Os usuários narram os jogos, animam a torcida, cantam, entrevistam jogadores e torcedores. A rádio conta com uma programação musical, momentos para recados e declamação de poemas.
Tabela de Jogos (Programação)
 
Folder da IX Copa da Inclusão
* fonte Ricardo Santoro

Reunião da Rede Saúde Mental e ECOSOL

15/08/2010

Data: 19 de agosto – quinta-feira

Horário:  14h

Local: Escola de Enfermagem da USP – Avenida Doutor Eneas Carvalho de Aguiar, 419 (próximo ao Metrô Clínicas) – Como chegar (clique)

Pauta:

1. Informes

2. Bazar da Copa da Inclusão


Casa do Saci foi selecionada para construir o Sistema Nacional de Comércio Justo e Solidário

08/08/2010

A Casa do Saci, da Rede de Saúde Mental e ECOSOL, foi um dos empreendimentos selecionados para participar do processo de construção do Sistema Nacional de Comércio Justo e Solidário (SNCJS). O SNCJS contará inicialmente com 140 empreendimentos econômicos e solidários que serão os primeiros a se adequar aos princípios e critérios do comércio justo e solidário brasileiro.

Notícia do Instituto Marista de Solidariedade:

Foi finalizado ontem no último dia 6/8 o processo de seleção de empreendimentos econômicos solidários (EES) interessados em participar do processo de construção do Sistema Nacional de Comércio Justo e Solidário (SNCJS). Foram inscritas 249 iniciativas de todos os estados brasileiros, com exceção de Sergipe. A comissão de seleção pontuou os aspectos fundamentais e desejaveis para a participação e 140 EES foram destacados. (A lista dos selecionados está disponível no sitehttp://www.ims.org.br)

O SNCJS é um sistema ordenado de parâmetros que visam promover relações comerciais mais justas e solidárias, articulando e integrando os empreendimentos e seus parceiros colaboradores em todo o território brasileiro. A seleção para participar do processo de construção é a primeira etapa de uma capacitação e adequação aos princípios e critérios do Sistema, na modalidade organizacional.

Esta ação será conduzida nacionalmente através do Projeto Nacional de Comercialização Solidária e se enquadra na meta de Organização Nacional de Comercialização dos Produtos e Serviços de Empreendimentos Econômicos Solidários, do Programa Economia Solidária em Desenvolvimento (Plano Plurianual 2008 – 2011), sob a responsabilidade da Secretaria Nacional de Economia Solidária (SENAES/MTE). O Instituto Marista de Solidariedade (IMS), juntamente com a SENAES/MTE, Fórum Brasileiro de Economia Solidária (FBES), FACES do Brasil e demais parceiros, irá viabilizar a assessoria aos EES para auto avaliação e plano de adequação ao SNCJS no período de agosto a dezembro de 2010.

Lista dos 140 Empreendimentos Econômicos Solidários selecionados em todo o país

Veja Cartilha e Vídeo sobre o Sistema Nacional de Comércio Justo e Solidário