Assinado o Projeto para a Construção do Programa Municipal de Apoio ao Cooperativismo Social (PROMACOOP-Social)

Na FOTO assinatura do Projeto PROMACOOP – Social: Cleusa Cayres – Coordenadora NOT/Candido Ferreira e do Fórum GeraRenda; Maria José Comparini Nogueira de Sá – Presidente da Associação Cornélia Vlieg; Eliane Rosandiski – Presidente do Banco Popular da Mulher e Leonardo Pinho – Rede Estadual de Saúde Mental e ECOSOL e assessor do BPM

 A Rede Estadual de Saúde Mental e Economia Solidária, o Fórum GeraRenda – Campinas e diversos empreendimentos e entidades do Brasil todo vem reivindicando a Regulamentação da Lei de Cooperativismo Social e a criação do Programa Nacional do Coooperativismo Social (PRONACOOP-Social).  No ano passado participamos do II Encontro Nacional de Experiências de Geração de Trabalho e Renda: Rumo ao Cooperativismo Social, visando ampliar e valorizar as cooperativas e empreendimentos econômicos solidários que promovem a Inclusão Social pelo Trabalho.

Quer conhecer a proposta do PRONACOOP Social (clique aqui)

No dia 15 de junho a Associação “Cornélia M. E. V. H. Vlieg”, representando o Fórum GeraRenda – Campinas, assinou um Contrato para Construção do Programa Municipal de Apoio e Fomento ao Cooperativismo Social (PROMACOOP – Social), com o Banco Popular da Mulher através do Projeto “Desenvolvimento do Sistema Único de Trabalho, Renda, Qualificação Profissional, Empreendedorismo e Economia Solidária”, uma parceria entre o Ministério Público do Trabalho – Procuradoria Regional do Trabalho da 15ª Região e a Secretaria Municipal de Trabalho e Renda.

A assinatura desse Contrato é um Marco para o desenvolvimento do Cooperativismo Social no país, fazendo de Campinas a primeira cidade a reconhecer, fomentar e assinar um Projeto financiando a construção de um Marco Legal para o Apoio e Fomento ao Cooperativismo Social.

A construção do Programa Municipal de Apoio ao Cooperativismo Social (PROMACOOP – Social) já está sendo negociada com a Secretaria Municipal de Trabalho e Renda, de Assistência Social e a Coordenação de Saúde Mental da cidade, bem como com as entidades: Centro de Referência em Cooperativismo e Associativismo (CRCA), Banco Popular da Mulher, Associação Cornélia Vlieg e UNISOL Brasil.

O Projeto PROMACOOP – Social terá as seguintes ações até Dezembro de 2012:

1. Realização de Dois Cursos de Formação em Cooperativismo Social, Economia Solidária e Comércio Justo e Solidario;

2. Premiação de Experiências Exitosas do Cooperativismo Social – Campinas;

3. Apresentação do Modelo de Decreto e de Projeto de Lei para instituição do PROMACOOP – Social;

4. Realização em Dezembro da I Feira de Cooperativismo Social.

Leia Também: Encontro no Cândido Ferreira marca parceria entre oficinas de trabalho e as secretarias municipais  (clique aqui)

Conheça a Página do Banco Popular da Mulher: http://www.bpm.org.br

Anúncios

3 Responses to Assinado o Projeto para a Construção do Programa Municipal de Apoio ao Cooperativismo Social (PROMACOOP-Social)

  1. Edvaldo Nabuco disse:

    Parabéns a todos por esta conquista. Vamos torcer para que esta iniciativa se multiplique pelos país. Abraço a todos, Edvaldo.

    • Valeu Edvaldo, Essa iniciativa precisa ser espalhada por todo o país. precisamos urgente políticas públicas de apoio e fomento aos projetos/oficinas que promovem a Inclusão Social pelo Trabalho. Nacionamente precisamos conquistas a regulamentação da Lei de Cooperativas Sociais. Tudo isso voltado a ampliação da autonomia dos Usuarios!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: